Associados AMESEIXAL

Município do Seixal
ADENE – Agência para a Energia
AEERPAS - Associação de Areeiros e Autarquia para a Preservação do Ambiente do Seixal
AMARSUL – Valorização e Tratamento de Resíduos Sólidos, SA
AMORLUX
Baía do Tejo, SA
BIOSARG, Lda
CPPME
- Confederação Portuguesa das Micro, Pequenas e Médias Empresa

EDP Distribuição, Energia SA
FERTAGUS – Travessia do Tejo, Transportes SA
MICROLIME
MTS – Metro Transportes do Sul
SIMARSUL – Sistema Integrado Multimunicipal de Águas Residuais da Península de Setúbal, SA
TST – Transportes Sul do Tejo, SA
Trantejo
VENSOL – Energias Renováveis, Lda.

Agências de Energia

RNAE – Associação das Agências de Energia e Ambiente (Rede Nacional)
AREA ALTO MINHO - Agência Regional de Energia e Ambiente do Alto Minho
AEdoCávado - Agência de Energia do Cávado
AEdoAVE – Agência de Energia do Ave
AdEPorto – Agência de Energia do Porto
Energaia - Agência de Energia do Sul da Área Metropolitana do Porto
ENERAREA – Agência Regional de Energia e Ambiente do Interior
AREAC - Agência Regional de Energia e Ambiente do Centro
Enerdura - Agência Regional de Energia da Alta Estremadura
Médiotejo21 - Agência Regional de Energia e Ambiente do Médio Tejo e Pinhal Interior Sul
Oeste Sustentável - Agência Regional de Energia e Ambiente do Oeste
Lisboa E-Nova - Agência Municipal de Energia e Ambiente de Lisboa
AGENEAL - Agência Municipal de Energia de Almada
ENA - Agência de Energia e Ambiente da Arrábida
S.energia - Agência Regional de Energia para os concelhos do Barreiro, Moita, Montijo e Alcochete
AREANATejo – Agência Regional de Energia e Ambiente do Norte Alentejano e Tejo
AREAL - Agência Regional de Energia e Ambiente do Algarve
AREAM - Agência Regional da Energia e Ambiente da Região Autónoma da Madeira
ENR - Rede Europeia de Energia
EVA - Agência de Energia da Áustria
ENS - Agência de Energia da Dinamarca
MOTIVA - Centro de Informação de Energia da Finlândia
ADEME - Agência para a Gestão de Energia e Ambiente de França
CRES - Centro para as Fontes de Energia Renováveis da Grécia
IEC - Centro Irlandês para a Energia
STEM - Administração Nacional de Energia da Suécia
ETSU - Reino Unido - Centro para a eficiência energética e tecnologias sustentáveis
NOVEM - Agência de Energia e Ambiente Holandesa
SAFE - Schweizerische Agentur für Energieeffizienz
Energy Institute - Croácia
SEA - Slovak Energy Agency
E- Energy - Agency of the Republic os Slovenia
ENEA - Ente per le Nuove Tecnologie, l'Energia e l'Ambiente – Itália
KAPE - Polish National Energy Conservation Agency
IEA - International Energy Agency
LAREM - Agências regionais e locais "on-line"
ENERGIE CITÉS
FEDARENE - Rede europeia de entidades de energia e ambiente

Energias Renováveis

APISOLAR - Associação Portuguesa da Indústria Solar
ISES - Sociedade Internacional de Energia Solar
CENSOLAR - Centro de Estudos de Energia Solar de Sevilha
Associação Europeia da Energia Eólica
American Wind Energy Association
CBE - Centro da Biomassa para a Energia
Associação Europeia da Biomassa
Portal das Energias Renováveis
Associação de Energias Renováveis
Laboratório Nacional de Energias Renováveis - E.U.A.
CADDET - Energias renováveis
EUFORES – Associação europeia para as energias renováveis
APESF - Associação Portuguesa de Empresas do Sector Fotovoltaico
LNEG - Laboratório Nacional de Energia e Geologia

Escolas

Funenergy
ABAE - Associação Bandeira Azul da Europa
Energy Quest Room
Energizer Learning Center
Plugging into the sun
Kids World
National Energy Education Development Project

Eficiência energética

Passive House Institute
Energuide
Energy-plus
Centre for Sustainable Energy
Alliance to Save Energy
Energy saving trust

Transportes

EC – DG - Transport & Energy
APVE - Associação Portuguesa do Veículo Eléctrico
AVERE - Associação Europeia do Veículo Eléctrico
APVGN - Associação Portuguesa do Veículo a Gás Natural
AP2h2 - Associação Portuguesa para a Promoção do Hidrogénio
Biodiesel – Brasil
European local transport information service
Promotion Of Results in Transport Research And Learning
Eco-Driving Europe

Sugestões

Desligue o forno 5 ou 10 minutos antes do cozinhado estar pronto. O calor remanescente é suficiente para acabar a cozedura dos alimentos, poupando 5 a 10% da energia.

Na máquina de lavar roupa opte por programas de baixas temperaturas e sempre que possível faça lavagens a frio. A diferença entre lavar a 30º ou a 60º implica um aumento do consumo de energia entre 200% a 400%.

Não encha muito o frigorifico ou a arca pois torna a distribuição de temperatura pouco uniforme, o que pode levar à deterioração dos alimentos. Uma grande quantidade de alimentos pode levar a que a porta tenha de estar aberta mais tempo, provocando um maior consumo energético.

A forma mais ecológica de secar roupa é aproveitando o sol e o vento, que são grátis. Se tiver de utilizar a máquina, faça-o na sua capacidade máxima.

imagem